Porque o Happy Birthday pra Rainha é muito mais importante que encarar de fato a crise ambiental e do capital…

Presidenta Dilma Rousseff justificou que mudança ocorreu para que evento não coincida com a comemoração dos 60 anos de coroação da rainha da Inglaterra, Elizabeth, entre os dias 4 e 6 de junho do próximo ano.

A abertura da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, foi adiada do dia 4 para 20 de junho de 2012, no Rio de Janeiro. O anúncio foi feito pela presidenta do Brasil Dilma Rousseff. Segundo ela, a mudança ocorreu para que a Rio+20 não coincida com a comemoração dos 60 anos de coroação da rainha da Inglaterra, Elizabeth, entre os dias 4 e 6 de junho do próximo ano. Vários líderes do G20 e de países europeus devem participar da comemoração britânica e, assim, poderiam não comparecer ao evento no Rio de Janeiro.

Dilma explicou também que representantes de países da Ásia pediram para que a Rio+20 ocorresse em um período mais próximo da reunião do G20, marcada para os dias 18 e 19 de junho, no México.

“A proposta que foi consenso com a ONU [Organização das Nações Unidas], entre mim e Ban Ki-moon. Nós propusemos e comunicamos ao plenário a transferência [da data] para permitir a ida dos países do G20, da Commonwealth [comunidade que reúne 54 Estados independentes que têm ligações históricas com a Inglaterra] e da Ásia”, disse Dilma, após o encerramento da reunião do G20, em Cannes, na França.

Antes do anúncio, durante uma sessão de trabalho do G20 sobre meio ambiente, a presidenta Dilma Rousseff disse que a conferência será uma oportunidade para “discussão do modelo de desenvolvimento que as nações querem para o futuro” e colocará em pauta pontos importantes como economia verde, erradicação da pobreza e governança internacional para o desenvolvimento sustentável.

Fonte: EcoAgência – Agência Brasil

Anúncios