transgenico8O Greenpeace perguntou a 15 empresas de arroz, conhecidas pelos brasileiros por suas marcas, se estas pretendem vender arroz transgênico, caso este seja aprovado no Brasil.

Dependendo da resposta, as marcas/empresas foram classificadas na lista verde ou na lista vermelha.
Aquelas que declararam ao Greenpeace, por escrito, que pretendem manter uma produção livre de transgênicos estão na lista verde.
As marcas/empresas que não responderam à carta do Greenpeace foram colocadas na lista vermelha.

Confira como se posiciona o mercado brasileiro do arroz:
Empresa     Marca
Camil – Camil
Josapar – Tio João
Broto Legal – Broto Legal
Masterfoods (Mars Brasil) – Uncle Bens
Pirahy Alimentos – Prato Fino
Albaruska – Albaruska
Yoki – Mais Vita
Brejeiro – Brejeiro
Wal Mart – Mais por Menos, Bom Preço, Great Value
Nelson Wendt – Emoções
Pão de Açucar – Pão de Açúcar, Extra e Compre Bem

Empresas abaixo não se posicionaram com relação a utilização de arroz transgênico no seu arroz.
Empresa     Marcas
Santa Lucia – Blue Ville
SLC Alimentos – Namorado
Carrefour – Carrefour
Extremo Sul – Extremo Sul, Princesa, Chimango

Além disso, o Greenpeace disponibiliza um Guia do Consumidor. Para conhecer acesse AQUI

Fonte: Greenpeace

Anúncios